Horários de Missas

Segunda-feira à Sexta-feira: 7h30, 12h10 e 18h

Sábados: 9h30, 12h e 16h  

Domingos: 9h30, 11h, 12h30, 18h30

 

NOTÍCIAS DA IGREJA : Junho 2017

 

No Brasil: Nosso Arcebispo, Dom Odilo, comemorou 10 anos de pastoreio na Igreja de São Paulo. A ele, nossos parabéns.

Fruto da 55ª Assembléia da CNBB, o documento sobre a Iniciação à Vida Cristã, aprovado em 03/05, será brevemente publicado.

Morre a Irmã Miria Kolling, autora de inúmeras músicas e canções religiosas, algumas delas frequentemente cantadas em nossa paróquia.

Sínodo arquidiocesano: Terá o seu anúncio oficial em 15 de junho, Corpus Christi.

 

Em Roma:

Cinco Novos Cardeais criados pelo Papa: d. Jean Zerbo, arcebispo de Bamako, no Mali, d. Anders Arborelius, bispo de Estocolmo, na Suécia, d. Louis-Marie Ling, vigário apostólico de Paksé, no Laos, d. José Gregório Rosa Chavez, bispo auxiliar de San Salvador e d. Juan Omella, arcebispo de Barcelona, na Catalunha.

O Próximo Sínodo dos bispos será em outubro de 2018 e seu tema “Os jovens, a fé e o discernimento vocacional”.

50 Anos da Renovação Carismática, iniciada em fevereiro 1967 por um grupo de estudantes da universidade Duquesne, de Pittsbrurgh, USA, celebrados em Roma com entusiasmo e a presença do Papa.

Viagens do Papa Francisco: Em Fátima, em 13 de maio, por ocasião do centenário das aparições, Francisco foi um peregrino entre centenas de milhares de peregrinos, rezou com eles, declarou santas as duas crianças videntes, Francisco e Jacinta, na presença de Lucas, o menino brasileiro cuja cura milagrosa justificou a sua canonização, e pronunciou na Capela das Aparições, diante da imagem de N. S. do Rosário, belíssima oração. Após a visita, Francisco disse que « Fátima tem, sem dúvida, uma mensagem de paz : e levada à humanidade por três grandes comunicadores que tinham menos de treze anos.”(L’Oss.Rom.,ed.sem.em port., 18.05.2017)

Já terminado em Portugal, está em estudo em Roma o processo de beatificação da Irmã Lúcia, a terceira e principal vidente de Fátima, que confiou ao papa S. João Paulo II o terceiro “segredo de Fátima”,

Visita de Donald Trump ao Papa, em 24 de maio, durou 30 minutos, durante os quais os principais temas foram o problema do clima mundial, a ajuda aos imigrantes, a situação no Oriente Médio e a promoção da paz, tendo o Papa oferecido a Trump um medalhão com a oliveira, símbolo da paz, e os últimos textos que escreveu.  Disse Trump “Eu os lerei”, embora se saiba que lê raramente…

Mensagens do Papa:

Papel da Universidade: Uma cultura se consolida na abertura e na confrontação com outras culturas, contanto tenha uma consciência clara e madura de seus próprios princípios e valores. Encorajo, pois, professores e estudantes, a viver a universidade como o local de um verdadeiro diálogo, que não esconde as diferenças, nem tampouco as exaspera, mas se abre a uma confrontação construtiva”. (Visita a Roma Tre)

Em Fátima: “Faça que sigamos o exemplo dos bemaventurados Francisco e Jacinta e de todos aqueles que testemunham a mensagem do Evangelho.  Percorreremos , assim, todas as estradas, seremos peregrinos em todos os caminhos, abateremos todos os muros e venceremos todas as fronteiras, indo a todas as periferias, e nelas revelando a justiça e a paz de Deus”

Sobre o Trabalho: “O verdadeiro objetivo a ser atingido não é a ‘renda para todos’, mas sim‘o trabalho para todos’, afirmou o Papa a trabalhadores em sua visita a Gênova.

« Há poucas alegrias na terra maiores do que as que experimentamos ao trabalhar… podemos sobreviver sem trabalho, mas para viver precisamos ter um trabalho. »

 

Acontecimentos no mundo:

Ataques terroristas: No Egito, continua a perseguição à Igreja Copta, cristã milenar, que conta com 10% da população do país.  Após ataques a numerosas igrejas, foi atacado um ônibus levando peregrinos, com inúmeros mortos e feridos. Esses ataques foram revendicados pelo Estado Islâmico, assim como recentes ataques na Inglaterra, em Manchester e Londres, no Irã, em Teerã, no Agfanistão, em Cabul, na França.em Paris, nas Filipinas, em Manilha.

O Acordo Climático de Paris: O presidente Trump anunciou que os Estados Unidos se retiravam do acordo que tinham assinado juntamente com mais de 200 nações e havia sido ratificado pelo Congresso. Vários estados americanos, contudo, anunciaram que continuariam a lhe ser fiel.

.

                                                                                                                                                              

                                                                                                                                                                 Gérard Duchêne

 

 

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.